União dos Crentes - Estudos Bíblicos Adventistas

Ir para o conteúdo

Menu principal:

União dos Crentes

A Bíblia Responde > XII – Crescimento e Experiência Cristãs
A Bíblia Responde - Capítulo nº 12 - Crescimento e Experiência Cristãs

1. Que relações mantêm entre Si o Pai e o Filho?

"Eu e o Pai somos um." S. João 10:30.

2. Em que consiste essa unidade?

"Não busco a Minha vontade, mas a vontade do Pai que Me enviou." S. João 5:30.

Essa unidade, portanto, consiste em terem ambos o mesmo pensamento, vontade e propósito.

3. Que pediu Cristo em oração ao Pai, em favor de Seus discípulos?

"Para que sejam um, como Nós somos um." S. João 17:22. Ver também os vs. 11 e 23.

4. Por que queria Cristo que existisse entre Seus seguidores essa união, ou unidade?

"Para que todos sejam um, como Tu, ó Pai, o és em Mim, e Eu em Ti; que também eles sejam um em Nós, para que o mundo creia que Tu Me enviaste." S. João 17:21.

5. Por meio de que, disse Cristo, todos os homens conheceriam os Seus discípulos?

"Nisto todos conhecerão que sois Meus discípulos, se vos amardes uns aos outros." S. João 13:35.

"Deus uniu os crentes em igreja a fim de que um possa fortalecer o outro nos empenhos bons e retos. A igreja terrestre seria em realidade um símbolo da celestial se os seus membros fossem um no pensamento e na fé. Os que não são movidos pelo Espírito Santo é que prejudicam o plano divino, promovendo divisão e fortalecendo as forças das trevas. Os que são santificados pelo sangue de Cristo não prejudicarão a causa de Deus, nem promoverão divisão na igreja. Havendo desunião entre os crentes, o mundo tira a conclusão de que não podem ser o povo de Deus porque estão agindo um contra o outro. Se os crentes estiverem unidos a Cristo, estarão unidos entre si."

6. Como mostrou Paulo seu cuidado a esse respeito?

"Rogo-vos, porém, irmãos, pelo nome de nosso Senhor Jesus Cristo, que digais todos uma mesma coisa, e que não haja entre vós dissensões; antes sejais unidos em um mesmo sentido e em um mesmo parecer." I Cor. 1:10.

7. Qual era um dos principais fatores de divisão na igreja primitiva?

"Porque eu sei isto, que, depois da minha partida, entrarão no meio de vós lobos cruéis, que não perdoarão ao rebanho; e que dentre vós mesmos se levantarão homens que falarão coisas perversas, para atraírem os discípulos após si." Atos 20:29 e 30.

8. Que já operava na igreja ao tempo de S. Paulo?

"Porque já o mistério da injustiça opera; somente há um que agora resiste até que do meio seja tirado." II Tess. 2:7.

9. Antes que Cristo possa vir, que disse S. Paulo iria acontecer?

"Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição; o qual se opõe, e se levanta contra tudo o que se chama Deus, ou se adora; de sorte que se assentará, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus." II Tess. 2:3 e 4.

O enorme sistema de erro agora sustentado pela igreja papal é resultante da apostasia aqui mencionada. Diz Wylie em sua História do Protestantismo, Vol. 3, pág. 25: "Roma manifestamente foi a cismática; foi ela que abandonou o que uma vez fora a fé comum da cristandade, deixando com esse seu passo a todos quantos permaneceram nos velhos moldes o indispensavelmente válido título da igreja verdadeira."

10. Juntos, que formam os crentes em Cristo?

"Ora vós sois o corpo de Cristo, e Seus membros em particular." I Cor. 12:27.

11. Sendo membros do corpo de Cristo, de que mais nos tornamos membros?

"Assim nós, que somos muitos, somos um só corpo em Cristo, mas individualmente somos membros uns dos outros." Rom. 12:5. 

12. Como membros uns dos outros, qual é o dever de cada um?

"Para que não haja divisão no corpo, mas antes tenham os membros igual cuidado uns dos outros." I Cor. 12:25.

13. Que devemos procurar guardar?

"Rogo-vos, pois, eu, o preso do Senhor, que andeis como é digno da vocação com que fostes chamados, com toda a humildade e mansidão, com longanimidade, suportando-vos uns aos outros em amor; procurando guardar a unidade do Espírito pelo vínculo da paz." Efés. 4:1-3.

14. Que unidade de fé existirá finalmente entre os atalaias de Deus?

"Eis a voz dos Teus atalaias! Eles alçam a voz, juntamente exultam; porque olho a olho verão, quando o Senhor voltar a Sião." Isa. 52:8.

15. Que solene mensagem, justamente antes da vinda de Cristo, unirá o povo de Deus em laços de fé e amor?

"Temei a Deus, e dai-Lhe glória; porque vinda é a hora do Seu juízo. E adorai Aquele que fez o céu, e a Terra, e o mar, e as fontes das águas .... Caiu, caiu Babilónia, aquela grande cidade, que a todas as nações deu a beber do vinho da ira da sua prostituição.... Se alguém adorar a besta, e a sua imagem, e receber o sinal na sua testa, ou na sua mão, também o tal beberá do vinho da ira de Deus." Apoc. 14:7-10. Ver Apoc. 18:1-5.

16. Que descrição é feita dos que aceitam esta mensagem?

"Aqui está a paciência dos santos; aqui estão os que guardam os mandamentos de Deus e a fé de Jesus." Apoc. 14:12.

17. Quando o Senhor vier, qual será o brado uníssono do povo de Deus?

"E naquele dia se dirá: "Eis que este é o nosso Deus, a quem aguardávamos e Ele nos salvará: este é o Senhor a quem aguardávamos: na Sua salvação gozaremos e nos alegraremos." Isa. 25:9.

Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal