Incredulidade e Dúvida - Estudos Bíblicos Adventistas

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Incredulidade e Dúvida

A Bíblia Responde > XV – Admoestações e Advertências
A Bíblia Responde - Capítulo nº 15 - Admoestações e Advertências

1. Que advertência contra a incredulidade é feita na Bíblia?

"Vede, irmãos, que nunca haja em qualquer de vós um coração mau e infiel, para apartar-se do Deus vivo." Heb. 3:12.

2. Que é impossível sem fé?

"Sem fé é impossível agradar-Lhe." Heb. 11:6.

3. Como, unicamente, podemos ser justificados?

"Sendo pois justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo." Rom. 5:1.

4. De que vive o justo?

"Mas o justo viverá da fé." Heb. 10:38.

Se os homens são justificados pela fé, e devem viver da fé, segue-se que, ser incrédulo, é não ser justificado e, consequentemente, não viver, no sentido aqui mencionado.

5. Em quem o Senhor não tem prazer?

"Se ele recuar, a Minha alma não tem prazer nele." Heb. 10:38.

6. Que espécie de notícias trouxeram os dez espias quanto à terra prometida?

"E infamaram a terra que tinham espiado." Núm. 13:32,

7. Que disse Calebe da capacidade de Israel para dela se apoderar?

"Subamos animosamente, e possuamo-la em herança: porque certamente prevaleceremos contra ela." Núm. 13:30.

8. Que disseram os dez espias?

"Porém os homens que com ele subiram disseram: Não poderemos subir contra aquele povo, porque ê mais forte do que nós." Núm. 30:31.

9. Por que não atingiu Israel a norma da justiça?

"Mas Israel, que buscava a lei da justiça, não chegou à lei da justiça. Por quê? Porque não foi pela fé." Rom. 9:31 e 32.

10. Quando soube do fracasso dos discípulos para curarem um rapazinho doente, que disse Cristo daquela geração?

"E Ele, respondendo-lhes, disse: Ó geração incrédula! até quando estarei convosco? Até quando vos sofrerei? Trazei-Mo." S. Mar. 9:19.

11. Que disse Cristo a Tomé por não haver ele crido no testemunho de seus irmãos quanto à ressurreição do Senhor?

"Põe aqui o teu dedo, e vê as Minhas mãos; e chega a tua mão, e mete-a no Meu lado; e não sefias incrédulo, mas crente." S. João 20:27.

O Senhor repreendeu Tomé por causa de sua incredulidade, pois não queria aceitar o testemunho de tantas pessoas dignas de fé que O tinham visto. Quão mais repreensível é a incredulidade mantida em face da atual "nuvem de testemunhas" de profecias cumpridas e em cumprimento!

12. Depois de falar dos numerosos exemplos de fé apresentados em Hebreus 11, que nos exorta S. Paulo a fazer?

"Portanto nós também, pois que estamos rodeados de uma tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com paciência a carreira que nos está proposta." Heb. 12:1.

"Todo embaraço" de que aí se fala, inclui os traços de caráter e os hábitos de vida que retardam a cai-reira cristã ou nos impedem de a seguir com êxito. Esses devem ser abandonados. Há, porém, mencionada aí alguma coisa que é mais que um embaraço; é um pecado, e pecado que muito de perto nos rodeia a todos — a incredulidade. Ser incrédulo, portanto, é pecaminoso.

13. Por que deixaram muitos de entrar outrora no repouso de Deus?

E "a quem jurou que não entrariam no Seu repouso, senão aos que foram desobedientes? E vemos que não puderam entrar por causa de sua incredulidade." Heb. 3:18 e 19.

14. Que se diz a respeito desses incrédulos?

"Mas com quem Se indignou por quarenta anos? Não foi porventura com os que pecaram, cujos corpos caíram no deserto?" Heb. 3:17.

15. Que lição devemos tirar do procedimento deles?

"Temamos pois que, porventura, deixada a promessa de entrar no Seu repouso, pareça que algum de nós fica para trás." Heb. 4:1.

Deus não muda. Se Se ofendeu com a incredulidade dos israelitas, e recusou-lhes entrada em Canaã por causa disto, não nos pode permitir entrar no repouso celeste enquanto condescendermos com a incredulidade.

16. Por que devemos todos trabalhar?

"Procuraremos pois entrar naquele repouso, para que ninguém caia no mesmo exemplo de desobediência." [Incredulidade, noutra tradução.] Heb. 4:11.

17. Contra que somos advertidos quando repreendidos pelo Senhor ?

"Filho Meu, não desprezes a correção do Senhor, e não desmaies quando por Ele fores repreendido." Heb. 12:5.

18. A quem castiga o Senhor?

"Porque o Senhor corrige o que ama, e açoita a qualquer que recebe por filho." Heb. 12:6.

19. Fazendo Deus a Abraão uma promessa que se afigurava impossível de cumprir-se, de que maneira a recebeu ele?

"E não duvidou da promessa de Deus por incredulidade, mas foi fortificado na fé, dando glória a Deus." Rom. 4:20.

20. Como foi considerada a fé manifestada por Abraão?

"Pois que diz a Escritura? Creu Abraão em Deus, e isso lhe foi imputado como justiça." Rom. 4:3.

21. Como devemos nós orar, ao ser perturbados por dúvidas?

"Eu creio, Senhor! ajuda a minha incredulidade." S. Mar. 9:24.

22. Que é prometido aos que crêem, quando oram?

"Por isto vos digo que tudo o que pedirdes, orando, crede que o recebereis, e tê-lo-eis." S. Mar. 11:24.
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal