Estudo 15 – O Dia do Senhor - Estudos Bíblicos Adventistas

Ser Cristão, é ser Discípulo do Cristo.
Ir para o conteúdo

Estudo 15 – O Dia do Senhor

24 Temas Cruciais
Série " 24 Temas Cruciais "
Objetivo principal: Entender por que DEUS quer que santifiquemos o dia de sábado, o último da semana.

Outros objetivos: Perceber que o sábado era o dia do Senhor no Jardim do Éden, era o dia do Senhor para os patriarcas antes do dilúvio, antes do Sinai, no Sinai quando os Dez Mandamentos foram escritos em tábuas de pedra, durante todo o Velho Testamento e foi guardado e recomendado por JESUS, e foi observado pelos seus apóstolos. O sábado será observado pelos que forem obedientes, na Nova Terra prometida. Entender que o sanado foi dado a todos os seres humanos, capazes de se lembrar, ou seja, que tenha poder de raciocínio, não só aos judeus. Entender também que o sábado é um sinal de que há amor entre DEUS e nós, e nós para com Ele. É importante entender essas coisas.

Ao criar o mundo, que fez DEUS? Gênesis 2:1-3 “Assim, pois, foram acabados os céus e a terra e todo o seu exército. E, havendo Deus terminado no dia sétimo a sua obra, que fizera, descansou nesse dia de toda a sua obra que tinha feito. E abençoou Deus o dia sétimo e o santificou; porque nele descansou de toda a obra que, como Criador, fizera.”ão, que viveu antes do Sinai, possuía lei para obedecer? Gênesis 26:5 “porque Abraão obedeceu à minha palavra e guardou os meus mandados, os meus preceitos, os meus estatutos e as minhas leis.”de Israel chegar ao Sinai, como o povo de Israel foi provado? Êxodo 16:4, 5, 22-30 “Então, disse o SENHOR a Moisés: Eis que vos farei chover do céu pão, e o povo sairá e colherá diariamente a porção para cada dia, para que eu ponha à prova se anda na minha lei ou não. Dar-se-á que, ao sexto dia, prepararão o que colherem; e será o dobro do que colhem cada dia.” Êxodo 16:22 a 30 “Ao sexto dia, colheram pão em dobro, dois gômeres para cada um; e os principais da congregação vieram e contaram-no a Moisés. Respondeu-lhes ele: Isto é o que disse o SENHOR: Amanhã é repouso, o santo sábado do SENHOR; o que quiserdes cozer no forno, cozei-o, e o que quiserdes cozer em água, cozei-o em água; e tudo o que sobrar separai, guardando para a manhã seguinte. E guardaram-no até pela manhã seguinte, como Moisés ordenara; e não cheirou mal, nem deu bichos. Então, disse Moisés: Comei-o hoje, porquanto o sábado é do SENHOR; hoje, não o achareis no campo. Seis dias o colhereis, mas o sétimo dia é o sábado; nele, não haverá. Ao sétimo dia, saíram alguns do povo para o colher, porém não o acharam. Então, disse o SENHOR a Moisés: Até quando recusareis guardar os meus mandamentos e as minhas leis? Considerai que o SENHOR vos deu o sábado; por isso, ele, no sexto dia, vos dá pão para dois dias; cada um fique onde está, ninguém saia do seu lugar no sétimo dia. Assim, descansou o povo no sétimo dia.”diz o quarto Mandamento? Êxodo 20:8-11 “Lembra-te do dia de sábado, para o santificar. Seis dias trabalharás e farás toda a tua obra. Mas o sétimo dia é o sábado do SENHOR, teu Deus; não farás nenhum trabalho, nem tu, nem o teu filho, nem a tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o forasteiro das tuas portas para dentro; porque, em seis dias, fez o SENHOR os céus e a terra, o mar e tudo o que neles há e, ao sétimo dia, descansou; por isso, o SENHOR abençoou o dia de sábado e o santificou. o sábado só para os Judeus? Isaías 56:6; Eclesiastes 12:13 “Aos estrangeiros que se chegam ao SENHOR, para o servirem e para amarem o nome do SENHOR, sendo deste modo servos seus, sim, todos os que guardam o sábado, não o profanando, e abraçam a minha aliança.” e “De tudo o que se tem ouvido, a suma é: Teme a Deus e guarda os seus mandamentos; porque isto é o dever de todo homem.”que era o sábado um sinal? Ezequiel 20:12, 20 “Também lhes dei os meus sábados, para servirem de sinal entre mim e eles, para que soubessem que eu sou o SENHOR que os santifica.” … “santificai os meus sábados, pois servirão de sinal entre mim e vós, para que saibais que eu sou o SENHOR, vosso Deus.”

Esse sinal é sinônimo de aliança, isto é, unidade em forma de intimidade e amor entre o Criador e Suas criaturas. O descanso no dia de sábado, dia em que DEUS também descansou e descansa ainda hoje, pois Ele não muda, tem por objetivo nos lembrar que fomos criados por Ele, e então paramos nossas atividades para nos dedicarmos, com exclusividade, a amar nosso Criador. Por isso, o mandamento proíbe o trabalho no sétimo dia, é o dia de amor, de intimidade, entre nós e nosso DEUS, pois é nesse dia que Ele descansa de suas obras. Para que o amor não morra, a intimidade é vital, e para isso nos foi dado um dia em sete, justamente o último de uma semana de trabalho, para que cultivemos o amor com DEUS, e entre nós, mais do que em qualquer dos outros dias. Tentar derrubar esse mandamento, ou altera-lo é o mesmo que tentar separar a criatura do amor do DEUS Criador, e esse é o interesse de satanás.

1. Qual foi o costume de JESUS, quando viveu entre os seres humanos?

Lucas 4:16 “Indo para Nazaré, onde fora criado, entrou, num sábado, na sinagoga, segundo o seu costume, e levantou-se para ler.”disse JESUS tem poder exclusivo sobre o sábado?

Mateus 12:8; Marcos 2:28; Lucas 6:5 “Porque o Filho do Homem é senhor do sábado.”

(Comparar com: Êxodo 16:23, 25; 20:10 e 11; Levíticos 23:3; Deuteronômio 5:14 – o sábado sempre foi o dia do Senhor, e sempre será)

2. Que dia observava a Mãe de JESUS (virgem Maria)?

Lucas 23:54-56; S. João 19:25 “Era o dia da preparação, e começava o sábado. As mulheres que tinham vindo da Galiléia com Jesus, seguindo, viram o túmulo e como o corpo fora ali depositado. Então, se retiraram para preparar aromas e bálsamos. E, no sábado, descansaram, segundo o mandamento.” e “E junto à cruz estavam a mãe de Jesus, e a irmã dela, e Maria, mulher de Clopas, e Maria Madalena.”

A virgem Maria, a exemplo de JESUS, guardou o sábado, a ponto de deixarem os preparativos para o sepultamento de JESUS para o primeiro dia da semana, já que não houve tempo, antes do por de sol de sexta-feira, dia da sua crucificação.
3. Que dia observavam os apóstolos?

Atos 13:13, 14, 27, 42, 44; 15:21; 16:12, 13; 18:4, 11 “E, navegando de Pafos, Paulo e seus companheiros dirigiram-se a Perge da Panfília. João, porém, apartando-se deles, voltou para Jerusalém. Mas eles, atravessando de Perge para a Antioquia da Pisídia, indo num sábado à sinagoga, assentaram-se.” e “Pois os que habitavam em Jerusalém e as suas autoridades, não conhecendo Jesus nem os ensinos dos profetas que se lêem todos os sábados, quando o condenaram, cumpriram as profecias.” e “No sábado seguinte, afluiu quase toda a cidade para ouvir a palavra de Deus.” e “Porque Moisés tem, em cada cidade, desde tempos antigos, os que o pregam nas sinagogas, onde é lido todos os sábados.” e “e dali, a Filipos, cidade da Macedônia, primeira do distrito e colônia. Nesta cidade, permanecemos alguns dias. No sábado, saímos da cidade para junto do rio, onde nos pareceu haver um lugar de oração; e, assentando-nos, falamos às mulheres que para ali tinham concorrido.” e “E todos os sábados discorria na sinagoga, persuadindo tanto judeus como gregos. … E ali permaneceu um ano e seis meses, ensinando entre eles a palavra de Deus.”

Observa-se que não há registro nem sinal, nem algum indicativo, por menor que seja, de que houvesse algum seguidor de CRISTO que tenha guardado outro dia senão o sábado. JESUS lhes disse que deveriam ir a todo o mundo, “ensinando-os a guardar todas as cousas que vos tenho ordenado”, e Ele, em momento algum, ordenou a guarda do domingo, nem a sua alteração posterior por poderes humanos. Ninguém foi autorizado a fazer isso, mas ao que o fizeram, terão gravíssimas conseqüências a acertar com O Criador, O Legislador e o DEUS do Universo! Isso está muito claro em Sua Palavra escrita, por exemplo, em Apoc. 22:18 e 19.

4. Que queria JESUS que observasse após Sua morte?

S. Mateus 24:20 “Orai para que a vossa fuga não se dê no inverno, nem no sábado” (Jerusalém foi destruída no ano 70 AD, e os cristãos fugiram no ano 66, e não foi em dia de sábado, como JESUS os instruiu.)

5. Que dia será observado na Nova Terra?

Isaías 66:22, 23 “Porque, como os novos céus e a nova terra, que hei de fazer, estarão diante de mim, diz o SENHOR, assim há de estar a vossa posteridade e o vosso nome. E será que, de uma Festa da Lua Nova à outra e de um sábado a outro, virá toda a carne a adorar perante mim, diz o SENHOR.”

Confira os versículos sobre o sábado, no Novo Testamento. Eles comprovam que esse era o dia de repouso santo após a morte e ascensão de JESUS, portanto, não houve alteração de dia a ser santificado, no caso do sábado para o domingo, no tempo em que foram escritos os livros do Novo Testamento. A guarda do dia de domingo é contra a Lei de DEUS e contra a Sua vontade.

Mateus 12:8 – O Senhor do sábado;

Mateus 12:1-14 – prática do sábado;

Mateus 24:20 – não fugir no sábado;

Mateus 27:62 – sexta-feira, dia preparação para guardar o sábado;

Mateus 28:1 – não foram ao sepulcro no sábado;

Marcos 2:27-28 – O Senhor do sábado;

Marcos 15:42 e 16:1 – sexta, preparação para o sábado;

Lucas 6:5 – O Senhor do sábado;

Lucas 23:54 e 56 – sábado descansaram, dia de descanso;

João 19:31 – sexta, preparação para santificar o sábado;

Hebreus 4:4 e 10 – descanso no sábado.

Sugestão importante: Fazer o que JESUS fez e recomendou em João 13:15 – “Eu vos dei o exemplo…” e santificar o dia de sábado. Assim como DEUS descansou nesse dia, assim como JESUS entre os homens descansou nesse dia, para exemplo a nós, assim descanse você também nesse mesmo dia, pois é flagrantemente o dia do Senhor.

Perguntas complementares: Se a Bíblia é tão clara, óbvia e direta quanto a ser o sábado o dia do senhor, não o domingo, então por que são tantos os que santificam o domingo? Por que tantos líderes religiosos pregam que houve mudança de dia de guarda? Quem, afinal, está por detrás dessa mudança, se não foi DEUS, e se a Bíblia não o autoriza?

Comentário anexo

A questão da guarda do dia de sábado ou do domingo é fundamental. Ainda iremos estudar mais sobre esse tema. Pelo sábado, temos o sinal de que nos ligamos ao Criador de todas as cousas, porque Ele mesmo descansou nesse dia na criação e JESUS, em vida e na Sua morte. Mas, pelo domingo, as pessoas se ligam a um deus que não é o Criador, mas satanás, que deseja ser como se fosse DEUS, quer ser adorado como tal, e faz o seu trabalho de conquista, pelas mentiras e pelos seus enganos.
Sikberto Renaldo Marks, professor titular, sénior, no curso de Administração de Empresas da Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul – UNIJUÍ (Ijuí – RS)

Voltar para o conteúdo