Estudo 08 – A Oração - Estudos Bíblicos Adventistas

Ser Cristão, é ser Discípulo do Cristo.
Ir para o conteúdo

Estudo 08 – A Oração

24 Temas Cruciais
Série " 24 Temas Cruciais "
Objetivo principal: Entender o que é a oração, e como, por intermédio dela, nos comunicamos com DEUS.

Outros objetivos: aprender a orar; entender a diferença entre orar e rezar (vãs repetições); por que orar.

Que pediram os discípulos de JESUS?

Lucas 11:1 “De uma feita, estava Jesus orando em certo lugar; quando terminou, um dos seus discípulos lhe pediu: Senhor, ensina-nos a orar como também João ensinou aos seus discípulos.”

Que é prece?

Salmo 62:8 (é abrir o coração a DEUS como o melhor amigo, em Quem podemos confiar) “Confiai nele, ó povo, em todo tempo; derramai perante ele o vosso coração; Deus é o nosso refúgio.” – Prece é, respeitosamente, falar com DEUS, todo assunto que entendemos ser importante a Ele apresentar.

A Quem orar? Mateus 6:6 (somente a DEUS) “Tu, porém, quando orares, entra no teu quarto e, fechada a porta, orarás a teu Pai, que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará.”

O que é rezar?

“E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios; porque presumem que pelo seu muito falar serão ouvidos.” (Obs.: Não se deve rezar, isto é, repetir sempre a mesma coisa; DEUS nos fez inteligentes e Ele também é inteligente. Os pagãos é que inventaram a reza com uma infinidade de repetições, pois seus ídolos nunca os ouvem.)

Em nome de Quem?

João 14:13, 14 (JESUS) “E tudo quanto pedirdes em meu nome, isso farei, a fim de que o Pai seja glorificado no Filho. Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, eu o farei.”

Qual o modelo de oração?

Mateus 6:9-13 “Portanto, vós orareis assim: Pai nosso, que estás nos céus, santificado seja o teu nome; venha o teu reino; faça-se a tua vontade, assim na terra como no céu; o pão nosso de cada dia dá-nos hoje;2 e perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós temos perdoado aos nossos devedores; e não nos deixes cair em tentação; mas livra-nos do mal pois teu é o reino, o poder e a glória para sempre. Amém!” Nota: Amém quer dizer assim seja – está concordando. Esta oração é um exemplo de como devemos orar, mas não devemos transforma-la em reza, apenas repetindo a oração mecanicamente, sem atentarmos em suas palavras.

Quais as condições para que a oração seja atendida?

– Hebreus 11:6; Marcos 11:24 “De fato, sem fé é impossível agradar a Deus, porquanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe e que se torna galardoador dos que o buscam.” e “Por isso, vos digo que tudo quanto em oração pedirdes, crede que recebestes, e será assim convosco.”

Perdoar – Mateus 6:14, 15 “Porque, se perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso Pai celeste vos perdoará; se, porém, não perdoardes aos homens as suas ofensas, tampouco vosso Pai vos perdoará as vossas ofensas.”

Sinceridade
– Provérbios 28:9; Salmo 66:18 “O que desvia os ouvidos de ouvir a lei, até a sua oração será abominável.” e “Se eu no coração contemplara a vaidade, o Senhor não me teria ouvido.”

Fidelidade – I S. João 3:22 “e aquilo que pedimos dele recebemos, porque guardamos os seus mandamentos e fazemos diante dele o que lhe é agradável.”

Qual a posição ideal em oração?

Lucas 22:41 “Ele, por sua vez, se afastou, cerca de um tiro de pedra, e, de joelhos, orava.” (JESUS, nosso exemplo, orava de joelhos, e essa é posição mais nobre, de reverência diante do Criador.)

Quando orar?

Três vezes ao dia – Salmos 55:17; Daniel 6:10 “À tarde, pela manhã e ao meio-dia, farei as minhas queixas e lamentarei; e ele ouvirá a minha voz.” e “Daniel, pois, quando soube que a escritura estava assinada, entrou em sua casa e, em cima, no seu quarto, onde havia janelas abertas do lado de Jerusalém, três vezes por dia, se punha de joelhos, e orava, e dava graças, diante do seu Deus, como costumava fazer.”

Antes das refeições – S. João 6:10, 11 “Disse Jesus: Fazei o povo assentar-se; pois havia naquele lugar muita relva. Assentaram-se, pois, os homens em número de quase cinco mil. Então, Jesus tomou os pães e, tendo dado graças, distribuiu-os entre eles; e também igualmente os peixes, quanto queriam.”

Quando tentados – Mateus 26:41; I Tessalonicenses 5:17 “Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca.” e “Orai sem cessar.” (Isto é, nunca deixar de orar.)

Antes de decisões difíceis – Lucas 6:12, 13 “Naqueles dias, retirou-se para o monte, a fim de orar, e passou a noite orando a Deus. E, quando amanheceu, chamou a si os seus discípulos e escolheu doze dentre eles, aos quais deu também o nome de apóstolos:”
Qual o costume de JESUS? Mateus 14:23 “E, despedidas as multidões, subiu ao monte, a fim de orar sozinho. Em caindo a tarde, lá estava ele, só.”

Qual a promessa de JESUS?

Mateus 7:7, 8 “Pedi, e dar-se-vos-á; buscai e achareis; batei, e abrir-se-vos-á. Pois todo o que pede recebe; o que busca encontra; e, a quem bate, abrir-se-lhe-á.”

Sugestão: Orar de hoje em diante, verifique os resultados com a experiência de oração.

Pergunta complementar:

Por que devemos orar em nome de JESUS, e de mais ninguém?

Comentário anexo: Ao orar, fale com DEUS, sempre que possível, de joelhos, pois nisso demonstrará o máximo respeito. Trate de todos os assuntos que deseja, mas, principalmente, peça a Ele que lhe ajude no entendimento da vontade d’Ele, que é boa para todos nós.
Sikberto Renaldo Marks, professor titular, sénior, no curso de Administração de Empresas da Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul – UNIJUÍ (Ijuí – RS)

Voltar para o conteúdo