A Palavra Vivificante - Estudos Bíblicos Adventistas

Ir para o conteúdo

Menu principal:

A Palavra Vivificante

A Bíblia Responde > I - A Bíblia; como Estudá-la e Compreendê-la
A Bíblia Responde - Capítulo nº 01 - A Bíblia; como Estudá-la e Compreendê-la

1. Qual é a natureza da Palavra de Deus?

"Porque a Palavra de Deus é viva e eficaz, e mais penetrante do que espada alguma de dois gumes, e penetra até à divisão da alma e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração." Heb. 4:12.

2. Como são descritos os oráculos de Deus?

"Este é aquele que esteve na igreja no deserto com o anjo que lhe falava no monte Sinai, e com os nossos pais; o qual recebeu os oráculos de vida para vo-los dar." Atos 7:38. (Versão Brasileira.)

3. Que declarou Cristo serem Suas palavras?

"O espírito é o que vivifica, a carne para nada aproveita; as palavras que Eu vos disse são espírito e vida." S. João 6:63.

4. Que testemunho deu S. Pedro concernente às palavras de Cristo?

"Respondeu-Lhe pois Simão Pedro: Senhor, para quem iremos nós? Tu tens as palavras de vida eterna." S. João 6:68.

5. Que declarou Cristo dos mandamentos de Seu Pai?

"E sei que Seu mandamento é a vida eterna." S. João 12:50.

6. Que lição encerrava o alimentar o povo de Israel com o maná?

"E te humilhou, e te deixou ter fome, e te sustentou com o maná. que tu não conheceste, nem teus pais o conheceram: para te dar a entender que o homem não viverá só de pão, mas que de tudo o que sai da boca do Senhor viverá o homem." Deut. 8:3.

7. Como interpretou Jesus esta lição?

"Disse-lhes pois Jesus: Na verdade, na verdade vos digo: Moisés nã> vos deu o pão do Céu; mas Meu Pai vos dá o verdadeiro pão do Céu porque o pão de Deus é Aquele que desce do Céu e dá vida ao mundo." S- João 6:32 e 33. (28)

8. Em explicação adicionai ao significado desta lição, que declarou Jesus de Si mesmo?

"E Jesus lhes disse: Eu sou o pão da vida; aquele que vem a Mim não terá fome, e quem crê cm Mim nunca terá sede." S. João 6:35.

9. Que benefícios resultam de comer este pão da vida?

"Assim como o Pai, que vive, Me enviou, e Eu vivo pelo Pai, assim, quem de Mim se alimenta, também viverá por Mim. Este é o pão que desceu do Céu: não é o caso de vossos pais, que comeram o maná e morreram: quem comer este pão viverá para sempre." S. João 6:57 e 58.

10. Que exemplo é relatado de alguém que se alimentou do verdadeiro maná?

"Achando-se as Tuas palavras, logo as comi, e a Tua Palavra foi para mim o gozo e alegria do meu coração; porque pelo Teu nome me chamo, ó Senhor, Deus dos Exércitos." Jer. 15:16.

11. Que nome é aplicado a Jesus, como sendo a revelação do pensamento de Deus na carne?

"No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus." S. João 1:1. "E estava vestido de uma veste salpicada de sangue; e o nome pelo qual Se chama é a Palavra de Deus." Apoc. 19:13.

Que estava no Verbo?

"NEle estava a vida; e a vida era a luz dos homens." S. João 1:4.

13. Como é, portanto, Jesus chamado também?

"O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que temos contemplado, e as nossas mãos tocaram da Palavra da vida." I S. João 1:1.

14. Por que não encontraram os judeus a vida nas Escrituras?

"Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de Mim testificam. E não quereis vir a Mim para terdes vida." S. João 5:39 e 40.

15. Que constitui uma parte da experiência cristã?

"E provaram a boa Palavra de Deus, e as virtudes do século futuro." Heh. 6:5. Ver a resposta à pergunta 10.

16. Ao designar a S. Pedro seu trabalho vitalício, que instrução lhe deu Jesus?

"Jesus disse-lhe: Apascenta [alimenta] as Minhas ovelhas." S. João 21:17.

17. Que recomendação apostólica indica o modo em que esta ordem deve ser obedecida?

"Conjuro-te pois diante de Deus, e do Senhor Jesus Cristo, que há de julgar os vivos e os mortos, na Sua vinda e no Seu reino, que pregues a Palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina." II Tim. 4:1 e 2.

18. Como somos instruídos a orar tanto pelo alimento físico como pelo espiritual?

"O pão-nosso de cada dia nos dá hoje." S. Mat. 6:11.

Quando "o Verbo Se fez carne, e habitou entre nós," o pensamento de Deus foi revelado na carne humana. Quando os homens santos de Deus "falaram inspirados pelo Espírito Santo," o pensamento de Deus foi revelado em linguagem humana. A união do divino e do humano na manifestação do pensamento de Deus na carne é chamada "o mistério da piedade;" e há o mesmo mistério na união do pensamento divino à linguagem humana. As duas revelações de Deus, na carne e na linguagem humanas, são ambas chamadas a Palavra de Deus, e ambas são a Palavra da Vida. Aquele que deixa de encontrar a Cristo desta maneira nas Escrituras não se poderá alimentar da Palavra vivificante.
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal