A Nova Jerusalém - Estudos Bíblicos Adventistas

Ir para o conteúdo

Menu principal:

A Nova Jerusalém

A Bíblia Responde > XVIII – O Reino de Deus Restaurado
A Bíblia Responde - Capítulo nº 18 - O Reino de Deus Restaurado

1. Qual foi uma das promessas de Cristo aos discípulos, ao apartar-Se deles?

"Na casa de Meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, Eu vo-lo teria dito; vou preparar-vos lugar." S. João 14:2.

2. Que diz S. Paulo que Deus preparou para Seu povo?

"Mas agora desejam uma melhor, isto é, a celestial. Pelo que também Deus Se não envergonha deles, de Se chamar seu Deus, porque já lhes preparou uma cidade." Heb. 11:16.

3. Onde está a cidade e como é chamada?

"Mas a Jerusalém que é de cima é livre; a qual é mãe de todos nós." Gál. 4:26.

4. Que esperava Abraão?

"Porque esperava a cidade que tem fundamentos, da qual o artífice e construtor é Deus." Heb. 11:10.

5. Que certeza deu Deus aos que morreram "na fé"?

"Deus Se não envergonha deles, de Se chamar seu Deus, porque já lhes preparou uma cidade." Heb. 11:16.

6. Que viu S. João dessa cidade?

"E eu, João, vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que de Deus descia do Céu, adereçada como uma esposa ataviada para o seu marido." Apoc. 21:2.

7. Quantos fundamentos tem essa cidade?

"E o muro da cidade tinha doze fundamentos, e neles, os nomes dos doze apóstolos do Cordeiro." Apoc. 21:14.

8. Quais são as medidas da cidade?

"E a cidade estava situada em quadrado; e o seu comprimento era tanto como a sua largura. E mediu a cidade com a cana até doze mil estádios." Apoc. 21:16.
As medidas em volta da cidade, como se deduz dos termos comprimento e largura, e como era costume fazer-se antigamente, são de 12.000 estádios. Isso equivale a uns 600 quilómetros de cada lado, formando um quadrado perfeito. A área dessa cidade, pois, é de cerca de 360.000 quilómetros quadrados, podendo comportar uma população vinte vezes superior à que hoje há sobre a Terra.

9. Qual é a altura do muro?

"E mediu o seu muro, de cento e quarenta e quatro eivados." Apoc. 21:17. Cento e quarenta e quatro côvados equivalem a sessenta e cinco metros.

10. De que material é construído o muro?

"E a fábrica do seu muro era de jaspe, e a cidade de ouro puro, semelhante a vidro puro." Apoc. 21:18.

11. Com que estão adornados os doze fundamentos?

"E os fundamentos do muro da cidade estavam adornados de toda a pedra preciosa. O primeiro fundamento era jaspe; o segundo, safira; o terceiro, calcedónia; o quarto, esmeralda; o quinto, sardónica; o sexto, sárdio; o sétimo, Crisólito; o oitavo, berilo; o nono, topázio; o décimo, crisópraso; o undécimo, jacinto; o duodécimo, ametista." Apoc. 21:19 e 20; Ver Êxo. 28:15-21; Isa. 54:11 e 12.

'12. De que são feitas as doze portas?

"E as doze portas eram doze pérolas; cada uma das portas era uma pérola." Apoc. 21:21.

13. Que está escrito nas portas?

"Os nomes das doze tribos de Israel." Apoc. 21:12.

14. De que são feitas as ruas da cidade?

"E a praça da cidade de ouro puro, como vidro transparente." Apoc. 21:21.

15. Por que não precisará esta cidade de Sol nem de Lua?

"E a cidade não necessita de Sol nem de Lua, para que nela resplandeçam, porque a glória de Deus a tem alumiado, e o Cordeiro é a sua lâmpada. E as nações andarão à sua luz; e os reis da Terra trarão para ela a sua glória e honra."

16. Por que não se fecharão as suas portas? 

"E as suas portas não se fecharão de dia, porque ali não haverá noite." Apoc. 21:25.

17. Que não entrará nessa cidade?

"E não entrará nela coisa alguma que contamine, e cometa abominação e mentira." Apoc. 21:27.

18. Quem terá permissão de entrar ali?

"Bem-aventurados aqueles que lavam as suas vestiduras no sangue dó Cordeiro, para que tenham direito à árvore da vida, e possam entrar na cidade pelas portas." Apoc. 22:14.

Outra versão deste versículo, constante da nota marginal, reza: "que guardam os mandamentos" etc. Os que lavam as suas vestiduras no sangue de Cristo cessam de pecar e, logicamente, guardam os mandamentos de Deus.

19. Quando essa cidade for a capital da nova Terra, qual será a condição do povo de Deus?

''E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dorj porque já as primeiras coisas são passadas." Apoc. 21:4.

20. Que atravessará a cidade?

"E mostrou-me o rio puro da água da vida, claro como cristal, que procedia do trono de Deus e do Cordeiro." Apoc. 22:1.

21. Que há em ambas as margens do rio?

"No meio da sua praça, e de uma e de outra banda do rio, estava a árvore da vida, que produz doze frutos, dando seu fruto de mês em mês; e as folhas da árvore são para a saúde das nações." Apoc. 22:2.

A árvore da vida que Adão perdeu com a transgressão, será restaurada por Cristo. O acesso a essa árvore constitui uma das promessas feitas aos vencedores. Apoc. 2:7. O dar ela doze espécies de frutos, sendo uma nova espécie cada mês, sugere uma razão por que, na nova Terra, "desde uma Lua nova até à outra," "desde um sábado até ao outro," toda carne irá perante Deus para adorá-Lo, como está escrito em Isa. 66:22 e 23.

22. Que privilégio terão os que ali entrarem?

"E verão o Seu rosto." Apo». 22:3 e 4. Ver S. Mat. 5:8; Heb, 12:14; I Cor. 13:12.   
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal