A Lei de Deus e a Graça - Estudos Bíblicos Adventistas

Ser Cristão, é ser Discípulo do Cristo.
Ir para o conteúdo

A Lei de Deus e a Graça

Temas Bíblicos > A Lei de Deus – Os Dez Mandamentos
A grande maioria dos cristãos de hoje acreditam que a Lei de Deus dos Dez Mandamentos foi abolida com a morte de Cristo e que foi substituída pela Graça; e dizem: não estamos debaixo da Lei; estamos no tempo da Graça. Muitos usam o termo “Lei” definindo todas as leis da Bíblia, considerando tudo como lei de Moisés. Mas a Bíblia refere-se a diversas leis: Lei Moral dos Dez Mandamentos ( Ex. 20:1-17 ); Lei Cerimonial ( Lev. 23 ); leis sanitárias, de higiene, saúde e dietética ( Lev. 11 ), lei civil, que regia os judeus, leis de casamento e divórcio, leis de guerra e de circuncisão, etc. ( Lev. 13,14,15; Num. 6, 15: 37-41, 26: 52-65, 27: 1-11, 30; Deut. 20 e 24 ). Posteriormente veremos a principal diferença entre elas.

1 – Primeiramente, vejamos a definição Bíblica de pecado. O que é PECADO ?

Pecado é a transgressão da Lei de Deus – I João 3: 4, Amós 2: 4, Sal. 119: 10,11, Gên. 39: 7-9

2- Mas, qual é a Lei de Deus ? Ver Ex. 20

Ora, se a Bíblia diz que Adão pecou ( Rom. 5: 12 ), logicamente ele transgrediu a Lei; e se ele transgrediu a Lei, é porque ela já existia desde a fundação do mundo, como norma do Reino de Deus e não só passou a existir quando foi dada em tábuas a Moisés, como muitos pensam. A Lei era passada oralmente, de pai para filho. ( Deut. 6: 6-7 ). No Egito o povo de Israel se corrompeu e esqueceu-se de Deus; Ele já não era mais conhecido entre os povos da Terra e houve a necessidade da Lei ser relembrada ( Ex. 5: 2, Deut. 5: 29, Sal. 105: 43-45; Gal. 3: 19 e Hebr. 8: 8-10 ). Foi então escrita em pedras, pelo próprio dedo de Deus. Quando revelou Sua Lei no Sinai, Deus veio com toda Sua majestade, revelando-se como o Redentor de toda a humanidade – o EU SOU ( Ex. 20, Ex. 3: 14 e João 8: 58, Deut. 33: 2-3 ) . Cristo é o EU SOU. A Lei é perpétua; já existia antes mesmo de Adão. A Bíblia afirma que os anjos pecaram; transgrediram a Lei ( II Ped. 2: 4 ). Abraão ( antes de Moisés ) guardava a Lei. ( Gên. 26: 4-5 ). Moisés, antes do Sinai ensinava a não colher maná no Sábado Santo para não transgredir a Lei ( Ex. 16 ) e julgava o povo de acordo com a Lei de Deus ( Ex. 18: 16 ). Concluímos então, que a Lei é ETERNA. Sal.111: 7-9, Sal. 119: 152, Sal. 119: 160 II Ped. 2: 4, Gên. 26: 4-5, Ex. 16: 28, Ex. 18: 16; I João 2: 7.

3 – O que Paulo diz sobre a Lei e o pecado ?

Logicamente, concordamos com Paulo quando diz: Onde não há Lei, não há pecado e não há transgressão, já que definição de pecado é a transgressão da Lei. ( Rom. 3: 19-20, Rom. 4: 15, Rom. 5: 12-13, Rom. 7: 7-8 ). Pela Lei vem o conhecimento do pecado. O pecado não é imputado não havendo Lei. Sabemos que todo homem peca. Então, se o homem é pecador é porque ele transgrediu uma lei. Se não há Lei ( se não precisamos guardar a Lei, porque não estamos debaixo dela ), como muitos dizem, não há pecado; isto é, ninguém peca. Ora, se todos são justos diante de Deus, sem pecado, para que SALVAÇÃO ??? Não necessitamos de Cristo; podemos logicamente deduzir. Nos versículos anteriores vimos que pela Lei vem o conhecimento do pecado. Paulo afirma que não teria conhecido o pecado, se a Lei não dissesse: NÃO MATARÁS! Como que se pode saber que matar é pecado? É porque a Lei diz. Ela aponta para o pecado.

4 – O que é Graça e para que serve?

A Lei diz: aquele que transgredir morrerá, porque o salário do pecado é a morte ( Gen.2: 17, Rom. 6: 23, Ezeq. 18: 20 ). Cristo morreu na cruz para cumprir a exigência da Lei sobre o transgressor, jogando sobre Si, todos os nossos pecados ( João 3: 16, I Cor. 15: 3 ). Ora, estaríamos todos mortos ( morte eterna ), pois todos pecamos. ( Rom. 5: 12-13 ). Aí, vem a Graça de Cristo para apagar nossas transgressões. Graça significa favor não merecido. Eu não mereço nenhum favor de Cristo, porque sou pecador; não tenho nenhum mérito, mas Ele morreu por isso, para salvar o pecador que estava sujeito a morrer eternamente. A morte expiatória de Cristo na cruz foi substitutiva. Ele morreu por todos os pecadores do mundo inteiro, de todas as gerações, pois TODOS cometeram e cometerão pecados. Se acreditamos que Abraão, Moisés, Isaac e Jacó foram salvos, só poderia ter sido pela Graça e não pela Lei. A Lei não salva. Abraão vai ressuscitar pela Graça de Cristo. Ele guardou a Lei como prova de fidelidade e amor a Deus. ( II Tim. 1: 9-10, João 8: 56, Heb. 11: 13 ). Muitos alegam que a Lei foi abolida e foi substituída pela Graça, ao ler : João 1: 17 e Rom. 6: 15 – … a Lei foi dada por Moisés e a Graça por Cristo… e não estamos debaixo da Lei, mas debaixo da Graça. Na realidade, não estamos debaixo da CONDENAÇÃO da Lei, uma vez que, temos a Graça. Não existe tempo da Lei e tempo da Graça. As duas sempre existiram; são unidas e inseparáveis. A salvação sempre foi por meio da Graça, em todas as eras. ( Efés. 2: 8 ). Nem os patriarcas foram salvos pelas obras da Lei. No céu não vai haver duas classes de salvos: salvos pela Lei e salvos pela Graça. Todos são salvos pela Graça. A Lei revela o pecado e a Graça é um dom gratuito de Deus.

Isto não quer dizer que estamos livres para transgredir a Lei. Como agradecimento, obedecemos a Lei por amor e fidelidade a Deus. A obediência é o fruto da fé. ( Rom. 16: 25, Tim. 1: 9, Tiago 2: 10-12, Apoc. 13: 8, Isa 8: 20, Jó 19: 25, Rom. 13: 10 ).

Somos salvos pela Graça, mas seremos julgados pela Lei ( Tiago 2: 12-13, Tito 3: 5, Rom. 3: 20, Efés. 2: 8 ). Veja que, quando Deus ordenou à Moisés que Lhe fizesse um Santuário, este deveria ser exatamente, como o modelo fiel do verdadeiro, que existe no céu. Nele havia as tábuas da Lei dos Dez Mandamentos, pelos quais o homem era julgado. Do mesmo modo ocorre no céu ( Ex. 25: 8-9, Ex. 26: 30, Ex. 27: 8, Heb. 9: 24, Apoc. 11:19, Apoc. 15: 5 ).

5- Os Dez Mandamentos foram abolidos na cruz ?

Se a Lei do Dez Mandamentos foi abolida na cruz, como muitos dizem, por que o apóstolo Paulo disse: Honra teu pai e tua mãe … ( Efés. 6: 2 ). É o quinto mandamento da Lei. Ué!?!? O mandamento não foi abolido na cruz? Como Paulo manda guardar? Paulo estava louco? Não!!! Ele simplesmente não daria este conselho se tivesse sido abolido. Mais uma pergunta: Matar e roubar são pecados? Aí você responde: SIM!!! Porque está escrito na Lei, e se você mata, estará transgredindo e consequentemente cometendo pecado. Muitas denominações dizem que a Lei foi abolida, simplesmente para negar o Sábado ( quarto mandamento ), como DIA DO SENHOR, mas quando você fala para um irmão matar ou roubar, ele logo diz: Não, irmão! Isso é PECADO! Não são incoerentes estas afirmações? A Lei é uma só; quer dizer que matar é pecado, porque transgride a Lei; mas profanar o Sábado não é pecado? A Lei que diz: NÃO MATARÁS é a MESMA que diz: LEMBRA-TE DO DIA DE SÁBADO… Transgressão é transgressão, pecado é pecado, seja qual for o mandamento quebrado. Em Tiago 2: 10-11 diz que se tropeçarmos em um só ponto da Lei, tornamos culpados de todos. Se transgredirmos um só mandamento, pecamos por todos. Na matemática divina 10 -1= ZERO. Muitos erram por desconhecerem as Escrituras; Jesus já dizia isso ( Mat. 22: 29 ).

6- O que Paulo diz sobre o binômio Fé e Lei?

Paulo questiona: é a Lei pecado? A própria Lei é um pecado? De modo algum, mas eu não conheceria o pecado se não fosse pela Lei. Eu sei que cobiçar é pecado, porque a Lei informa, aponta: NÃO COBIÇARÁS! ( Rom. 7: 7 ). A força do pecado é a Lei ( I Cor. 15:56 ), porque ela mostra o pecado. Sem Lei está morto o pecado, mas vindo a Lei, ela lembra do pecado e se eu peco, eu morro, mas a Graça de Cristo me salva dessa morte. A Lei não é para o justo, mas para o injusto ( Rom. 8: 7, I Tim. 1: 9-10 ).

Se você avançar um sinal vermelho de trânsito, comete uma infração. Por quê? Porque existe a lei de trânsito que diz: ao sinal vermelho, páre. Se não existisse essa lei, você poderia avançar o sinal vermelho sem ser considerado infrator. A lei de trânsito aponta a infração. Logo, preciso de um advogado. Se a lei não existisse, eu não seria um infrator do trânsito, e consequentemente eu não necessitaria de um advogado, porque não cometi delito algum; o mesmo ocorre com a Lei. Paulo ainda pergunta: Anulamos, pois a Lei pela fé? Não, antes confirmamos a Lei. ( Rom. 3: 31 ). Pedro diz que o que importa é obedecermos a Deus( Atos 5: 29 ). E o Espírito Santo de Deus só é dado aos obedientes ( Atos 5: 32 ). Paulo diz que o que importa é observarmos os Mandamentos de Deus ( I Cor. 7: 19 ).

Por sermos salvos pela fé, não podemos abolir a Lei, que é a norma de conduta do cristão. Deus diz que o homem viverá por cumprir os Seus mandamentos. ( Ezeq. 20: 11 ). Estamos livres da penalidade da Lei quando a guardamos e não livres dela ( Rom. 7: 6 ).

7 – A Lei foi feita só para os judeus ?

Os que dizem que a Lei foi abolida na cruz, alegam que ela era apenas para os judeus, mas não é o que a Bíblia diz: guardar a Lei é dever de TODO HOMEM e não de todo judeu. Antes de pecarem, Adão e Eva guardavam os Dez Mandamentos e não eram judeus, mas sim pais de toda a humanidade. Este povo só surgiu cerca de 2500 anos após o Éden. A Lei é para todos, estrangeiros, escravos, amigos etc. (Ecles. 12: 13-14, Ex. 12: 49, Lev. 4: 27-28, Lev. 24: 22, Isa 56: 1- 7).

8 – A Lei pode ser mudada?

Alguns tentaram mudar a Lei de Deus, trocando mandamentos, e omitindo outros, mas a Bíblia diz que é IMUTÁVEL ( Deut. 4: 2, e 12: 32, Salm. 89: 34 ). Cristo disse que nem um til e nem jota seria tirado da Lei ( Mat. 5: 17-19, Luc. 16: 17 ). Ora se nem uma letra ou um sinal poderia ser retirado da Lei, como ousa o homem abolir um Mandamento inteiro? Muitos preferem seguir preceitos de homens do que os Mandamentos de Deus ( Mat.15: 3-9, Mar. 7: 6-13, Ezeq. 33: 31-32, Isa. 29: 13 ). Cristo disse que nem todo aquele que diz Senhor, Senhor, entrará no reino dos céus ( Mat. 7: 21-23 ). Daniel predisse que tentariam mudar os tempos e a Lei. Um poder político-religioso mudou o tempo que era contado a cada pôr-do-sol, passando a ser a cada zero hora; e mudou completamente os Mandamentos de Deus, dizendo ter autoridade divina para tal.( Dan. 7: 25, Dan. 8: 12, II Tess. 2: 3-4 ).

9 – O que diz a Bíblia sobre o transgressor consciente da Lei?

Quem não cumpre a Lei, até sua oração não é ouvida ( Prov. 28: 9, Zac. 7: 12-13, Isa. 1: 15-17, Isa. 5: 24, Lam. 3: 8, Salm. 66: 18, Salm. 80: 4, Salm.89: 31-32, Salm. 109: 7, Salm. 119: 118 e 155 ).

O povo de Deus perece por falta de conhecimento da Verdade ( Ose. 4: 6, Mat. 22: 29, Isa. 5: 13 ). A quebra da Lei de Deus, principalmente do Sábado, foi o motivo pelo qual o povo de Israel foi levado para o cativeiro ( Jer. 17: 24-27; Zac. 7: 11, 12 ).O transgressor consciente é abominável ( Heb. 10: 26-28, João 15: 22 ). Mas os praticantes da Lei hão de ser justificados( Rom. 2: 13 ).

10 – Cristo nos deu um novo mandamento?

Outros irmãos dizem que Cristo deu um ” novo” mandamento, baseados em João 13: 34, mas em I João 2: 7, observamos que o mandamento é o MESMO.



A Bíblia diz que conhecemos Jesus se guardamos os Seus Mandamentos, caso contrário somos mentirosos. I João 2: 3-4 ). É a base para se ter a vida eterna, em obediência. ( Mat. 19: 17-19, Ezeq. 20: 11, Deut. 8: 3, Salm. 19: 8-11 ). Deus nos dá poder para guardá-los e nos fortalece ( Fil. 4: 13, João 15: 5 ). Cristo guardou os Mandamentos ( João 15: 9-10, Salm. 40: 8, Heb. 10: 5-7 ). Ele disse que não veio destruir a Lei, mas cumprí-la ( Mat. 5: 17-19. Ele engrandeceu a Lei ( Isa. 42: 21 ) . Até Suas seguidoras guardaram o Sábado da Lei, após Sua morte, mostrando assim, que o Mandamento não havia sido abolido com a cruz ( Luc. 23: 52 a 24: 1 ).

Em Rom. 10: 4 Paulo afirma que o FIM DA LEI é Cristo. Muitos pegam este versículo para dizer que a Lei findou com Cristo, mas esquecem que o Novo Testamento foi escrito em grego e a palavra FIM, vem do grego TELOS, que significa finalidade, objetivo, e não término ou abolição. Esta mesma palavra ” Telos” encontramos em I Ped. 1: 9 : … alcançando o Fim da vossa fé, a salvação das almas. Ah! neste caso não podem afirmar que a fé acabou, mas sim que o objetivo da fé é salvar almas. Do mesmo modo vemos em Ecles. 12: 13 . De tudo o que se tem ouvido, o Fim é : teme a Deus e guarda os Seus mandamentos, pois este é o dever de todo homem. Ah! neste caso também não podem dizer que acabou o temor a Deus, como pretexto para dizer que a Lei findou. Na Bíblia tudo é coerente, porque Deus é sábio e muito superior às especulações humanas. Não pode haver contradição! Errais não conhecendo as Escrituras! Não devemos ultrapassar o que está escrito ( I Cor. 4: 6 ). Qualquer pensamento que contradiz a Palavra de Deus não tem nenhum valor, pois não passa de especulação humana.

11 – O que mais a Bíblia nos diz sobre a Lei dos Dez Mandamentos ?

A Lei é BOARom. 7: 16, I Tim. 1: 8A Lei é ESPIRITUALRom. 7: 14A Lei é SANTA e o mandamento SANTO, JUSTO E BOMRom. 7: 12

Tenho PRAZER na Lei de Deus – Rom. 7: 22

SIRVO à Lei de Deus – Rom. 7: 25

Os mandamentos são PUROS, porque espelham o caráter de Deus – Salm. 19: 7-11

Todos os mandamentos são VERDADE e duram para SEMPRESalm. 119: 142, 152 e 154

A Lei é PERFEITA e INESQUECÍVELTiago 1: 25

Os mandamentos são JUSTIÇASalm. 119: 172

Os Mandamentos são ETERNOS e IMUTÁVEISSalm.89:34, Salm.111:7-9, Salm. 119:152, 160; I João 2: 7.

O mandamento é muito AMPLOSalm. 119: 96

A Lei é PERFEITA e RESTAURA a alma – Salm. 19: 7

A Lei é a minha MEDITAÇÃO e quanto a AMOSalm. 119: 97,127 e 143

Os mandamentos NÃO SÃO PESADOS – I João 5: 3

A Lei é MORAL – Salm. 119: 172, Rom. 7: 12

A Lei é a BASE do concerto eterno – Ex. 20: 1 a 24: 8, Deut. 9: 9

A Lei é o padrão de JULGAMENTO – Tiago 2: 12, Heb. 10: 26-28, Ecles.12: 13-14

A Lei APONTA o pecado – Rom. 3: 19-20, Rom. 7: 7, Tiago 1 : 23-25, I João 3: 4

A Lei nos indica a necessidade de um SALVADOR, porque é incapaz de nos salvar; somente Cristo – Gal.3: 24, João 3: 16


A Lei nos dá LIBERDADE – Salm. 119: 45, João 8: 34, Tiago 1: 25 e 2: 8

A Lei deve ser guardada no CORAÇÃO – Salm. 37: 31, Salm. 40: 8, Heb. 8: 10

O salmista pede para que seus olhos sejam desvendados para que possa ver as MARAVILHAS da Lei de Deus- Salm. 119: 10-18

12 – Qual a Lei que foi abolida com a morte de Cristo na cruz ?

Paulo condena outra lei – a cerimonial, das ordenanças, que deveriam acabar com a morte de Cristo. Ela não tinha mais sentido existir após Cristo, já que apontavam para Ele, o Messias que seria morto ( Efés. 2: 15, Col. 2: 14 e 20 ). Os sábados cerimoniais que caíam em qualquer dia da semana deveriam acabar – Lev. 23: 4, 24, 29, 32, Col. 2: 16-17, Ose. 2: 11. Diferentemente do Sábado semanal, da Lei, que é eterno ( Isa. 56: 4-7, Isa. 66: 23 ).Quando Cristo morre na cruz, às 15 horas, o véu do templo rasga-se ao meio, significando o término da lei cerimonial ( Mar. 15: 3 ). Daniel diz que com a morte de Cristo cessariam os sacrifícios e ofertas de manjares ( Dan. 9:27 ).

13 – Qual a diferença entre as duas leis ?CONTRASTE ENTRE AS LEIS

A LEI MORAL

É chamada “lei real.” S. Tia.2°8

Foi proferida por Deus. Deut.4:12 e 13.

Foi escrita por Deus em tábuas de pedra. Êxo. 24:12.

Foi escrita “pelo dedo de Deus.”Êxo. 31:18.

Foi posta na arca. Êxo. 40:20;I Reis 8:9; Heb. 9:4.

É “perfeita” Sal. 19:7.

Deverá “permanecer firme para todo o sempre.” Sal. 111:7 e 8.

Não foi destruída por Cristo. S.Mat. 5:17 .

Devia ser engrandecida por Cristo. Isa. 42:21.

Comunica conhecimento do pecado. Rom. 3:20; 7:7.

A LEI CERIMONIAL

É chamada “a lei que consiste em ordenanças.” Efés.2:15.

Foi ditada por Moisés. Lev. 1:1-3.

Era uma “cédula de ordenanças.” Col. 2:14.

Foi escrita por Moisés num livro. II Crôn. 35:12.

Foi posta ao lado da arca. Deut.31:24-26.

“Nenhuma coisa aperfeiçoou.”Heb. 7:19.

Foi cravada na cruz. Col. 2:14.

Foi ab-rogada por Cristo. Efés.2:15.

Foi tirada por Cristo. Col. 2:14.

Foi instituída em consequência do pecado. Lev. 3-7.

14- Qual a relação entre a Lei e o Seu Autor ?



15 – Paulo fala de duas leis; qual é maldita e qual é boa ?

Devemos ter cuidado ao estudarmos as epístolas do apóstolo Paulo, pois um estudo displicente pode gerar dúvidas. Pedro já havia nos advertido disto ( II. Pd. 3: 16 ): …que as epístolas de Paulo são difíceis de entender e os indoutos e inconstantes as torcem para sua própria perdição. Por exemplo: Gal.3:10,13, Paulo diz que a lei é maldita e em Efés. 6:2, Rom. 7:12, Rom. 3:31, I Tim. 1:8, o mesmo Paulo diz que a Lei é boa e santa. Ora, se a Lei é boa, ela não pode ser maldita. Paulo entrou em contradição? Não! A lei maldita era a cerimonial e a Lei boa e santa é a moral dos Dez Mandamentos.

16 – Considerações finais:

Resumindo: se a Lei fosse abolida, não haveria necessidade da Graça, uma vez que, ela é oferecida ao homem para justificá-lo do seu pecado, quando este expressa a fé em Jesus e O aceita como Salvador pessoal. Se o homem peca, ele fica sujeito à condenação da Lei. A única solução é a Graça de Cristo. Mas porque vivo sob a Graça eu devo transgredir ou abolir a Lei? De modo nenhum. Esta foi a resposta de Paulo em Rom. 6: 1-2. Permaneceremos no pecado para que a Graça abunde? Não! Mas se eu pecar, tenho um Advogado que é Cristo, que apaga as transgressões do pecador arrependido e confesso. ( I João 1: 8-9, 2:1, 3:22-24, 4: 20, 5: 1-3 ).É um sincronismo lógico: se a Lei foi abolida ——– não há pecado ——– logo, todos são justos, todos se salvarão crendo ou não em Cristo ——- para que servirá a Graça ? ——- Deus não pode condenar e nem destruir os que não pecaram, pois não têm nenhum pecado a confessar ——- não precisam de fé; não sentem a necessidade de Cristo —— nunca sofrerão a morte eterna ——-Para que veio então, Jesus à Terra? ——- Morreu em vão? Não é o que a Bíblia diz. É justamente porque pecamos é que sentimos a necessidade de um Salvador para nos livrar do poder desta morte. Quando cumprimos a Lei não significa que estamos livres para pecar. Ao negar a Lei, os homens destroem por completo o Evangelho.Guardamos a Lei não para sermos salvos, mas porque fomos salvos por Cristo. A obediência a Deus é por amor. Primeiro Cristo nos salva, depois Ele pede fidelidade. ( Salm. 119: 146; João 14: 15; João 15: 10 )

Sem Lei não podemos ver a Santidade de Deus e nem enxergar nossas próprias culpas e necessidade de arrependimento – Tiago 1: 23-25

No fim dos tempos, Satanás guerreará contra o povo remanescente que guarda os Mandamentos de Deus – Apoc. 12: 17, 14: 12, I João 5: 3.A guarda dos Mandamentos é a chave de acesso à Árvore da Vida – Apoc. 22: 14.À Lei e ao Testemunho! Se não falarem segundo esta palavra, nunca verão a Alva! – Isa. 8: 20. I Cor. 7: 19.Conhecereis a Verdade e a Verdade vos libertará ! – João 8: 32.Que sejamos humildes para fazer a vontade do Senhor, guardando Seus preceitos e permanecendo inabaláveis na fé em Jesus. Devemos reconhecer que Ele é o Soberano do Universo que salva e protege aqueles que estão dispostos a obedecê-Lo por amor e fidelidade. Agradecemos por nos oferecer Seu Santo Espírito para nos mostrar essas Verdades maravilhosas a cerca do plano da Redenção. Que possamos estar em pé, firmes, no glorioso dia do Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, voltando com todos os anjos, a fim de nos levar para a Glória do Seu Reino!

Joaquim Lima

Amem
Voltar para o conteúdo